Escolha uma Página

Como escolher a sua primeira arma de fogo?

por | jun 29, 2022 | Armas de Fogo | 0 Comentários

Ao pensar em comprar uma arma de fogo é comum que as pessoas se perguntem qual arma é mais segura. Pensando nisso, resolvemos trazer algumas informações relevantes.

Primeiro, há vários fatores que devem ser analisados antes de tomar a decisão de comprar uma arma de fogo:

·         Você possui 25 anos de idade?

Você pode frequentar um clube de tiros a partir dos 14 anos, porém de acordo com a lei brasileira, só pode adquirir uma arma de fogo após completar 25 anos de idade.

·         Sua arma será utilizada para a prática de tiro esportivo ou para defesa pessoal residencial ou comercial?

As armas destinadas para a prática do tiro esportivo possuem registros diferentes daquelas que utilizamos para defesa pessoal. As armas destinadas para defesa pessoal são registradas na Polícia Federal e devem seguir algumas regras: você pode possuir o registro de até 5 armas de fogo, existe um limite para a compra de munição de 550 unidades por ano, a arma que possui esse registro deve ser utilizada única e exclusivamente para a defesa pessoa da sua casa ou do seu escritório, e você pode, a cada 30 dias, transportar sua arma até um clube de tiro, com as informações do clube, dia e horário de transporte da mesma.

Já as armas destinadas ao esporte de tiro esportivo devem ser registradas no exército através da obtenção do seu certificado de registro que hoje é feito via sistema e devem seguir as seguintes regras: você pode possuir o registro de até 60 armas de fogo, das quais 30 são de uso permitido e 30 de uso restrito. O limite de compra de munição é de 5000 unidades por ano para armas de calibre permitido e 1000 unidades para armas de calibre restrito. A arma que possuir esse registro deve ser utilizada para prática de tiro esportivo, jamais para coleção ou para a prática de caça de animais, e você possuirá o direito de transportar sua arma a qualquer dia e horário até um clube de tiro, mediante o CRAF (certificado de registro de arma de fogo) e GT (guia de tráfego) que deverá ser assinado pelo exército.

·         Tem disponibilidade de tempo e paciência?

Não é só ter o dinheiro e ir até uma loja. É necessário muito tempo e paciência.

Para as duas categorias de uso da arma de fogo, o cidadão precisará efetuar exames técnicos, psicológicos realizados por um profissional registrado na Polícia Federal. Além disso, deverá fazer uma prova teórica sobre leis e utilização de armas de fogo, uma prova prática de tiro, apresentar inúmeras certidões negativas, documentos pessoais, comprovação de renda e trabalho.

Mesmo depois de tudo isso, será necessário esperar até que seus documentos sejam aprovados pelo órgão responsável, e esse processo é muito demorado.

·         Qual o valor que você tem disponível para investir nessa compra?

Nosso país tem uma carga tributária alta, e por isso os valores das armas são bem altos. Nos Estados Unidos, por exemplo, encontramos armas superiores às nacionais a um custo de USD 499. Aqui no Brasil, uma TS9 pode ser adquirida por aproximadamente R$ 4.900,00.

Por isso normalmente as pessoas acabam em busca de armas importadas, já que os modelos nacionais normalmente não suprem as necessidades para a prática de tiro esportivo, além de possuírem um custo muito maior como vimos acima.  

·         Qual tipo de arma você prefere? (revólver, pistola, carabina…)

Há quatro tipos de armas que podemos utilizar.

O revólver é uma arma de fogo de porte, de repetição, contém um cilindro giratório posicionado atrás do cano que serve como carregador e que recebem a munição, servindo de câmara. É uma excelente arma, pois exige pouco treinamento para sua utilização.

A pistola também é uma arma de fogo de porte, normalmente semi-automática, onde a única câmara faz parte do corpo do cano e o carregador, quando em posição fixa, mantém os cartuchos em fila e os apresenta de forma sequencial para o carregamento inicial após cada disparo.

A carabina é uma arma de fogo portátil, igual a um fuzil, mas com dimensões reduzidas, de cano longo. Ela é menor que o fuzil, mas mais potente.

As espingardas possuem cano longo e são excelentes para armas de defesa, pois são mais fáceis de manusear.

·         Já atirou alguma vez?

Você possui experiência? Comprar uma arma de fogo não é a mesma coisa do que comprar um brinquedo.

É um ato que envolve muito cuidado e responsabilidade por isso é muito importante você saber de todos os conhecimentos necessários.

Frequente clubes de tiros, pesquise sobre o assunto na internet, mantenha-se informado, assista vídeos explicativos, faça cursos com pessoas credenciadas, afinal, informação e conhecimento não fazem mal, ainda mais quando falamos sobre a posse de arma de fogo que é um assunto muito sério.

Escolhendo uma arma de fogo para defesa pessoal ou doméstica

De modo geral, há dois tipos de armas: armas de mão e armas longas.

As armas de mão são projetadas para uso com uma mão, mas não tem o poder de parada existente nas longas, que variam de espingardas a rifles e metralhadoras.

Embora o tamanho, peso e design da arma de mão seja a escolha mais comum para a defesa pessoal, ela deve ser carregada com o mínimo de desconforto ou exposição, e isso faz com que utilize um cartucho mais fraco para dar tiros repetidos com maior facilidade.

Na hora de escolher o calibre, você deve buscar fazer uma escolha bem informada para ter a maior vantagem.

Menores calibres como .380, 9mm, etc. geralmente significam maior velocidade da bala, recuo reduzido que permite mais tiros seguidos, cartuchos de maior capacidade (ou armas com armações menores) e balas de alta velocidade.

Já os calibres grandes como .45 se caracterizam por balas mais lentas com maior diâmetro geral, permitindo um canal de ferida inicial mais aberto, o que dá maior chance de acertar algo vital. As balas mais pesadas e com maior diâmetro aumentam o recuo, resultando em tiros mais lentos. A arma terá menor capacidade de munição também.

Ao tomar uma decisão, tenha em mente o custo da munição. Você deve ser capaz de custear a munição suficiente para manter uma constante rotina de prática.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *